quarta-feira, 5 de outubro de 2016

TALASSOTERAPIA: uma proposta psicoterapêutica e inclusão social


O Jornal Nossa Gente da AECO – Associação dos Empregados da Copene (Set/1990), atual Braskem, publica - Exemplo de Perseverança da história de Yuri Guimarães Brito, filho de Ezequiel Herculano de Brito, operador industrial daquela empresa e Maria Cristina Guimarães Brito, que relembra sobre o procedimento do parto induzido e demorado,  ocorrendo a falta de oxigenação de seu filho ao nascer.  Com o passar dos anos seus pais observavam o atraso no desenvolvimento motor, onde as etapas do arrastar, engatinhar e sentar ficaram  para trás e até seus cinco anos de idade apresentava grau de comprometimento motor de moderado a severo. Dado início a uma série de atividades prescritas  por  Dr. Alberto Alencar Carvalho, médico fisiatra e as indicações psicoterapêuticas.
A matéria publicada no jornal relata de forma empírica, a atitude da família que complementava as atividades de Yuri em casa e na praia,  onde a mãe  expressa “por exemplo, eu o enterrava na areia  até a altura do tórax, para conseguir a correção da postura, impedindo a curvatura da coluna. Ao mesmo tempo, ele fazia trabalhos de coordenação motora, manuseando a areia, o que deu bons resultados...outro exercício executado na praia, antes de ir para o IBR, consistia em segurar-lhe nas mãos e forçá-lo a andar, para conseguir a correção dos pés”... Mais tarde, com a chegada de Hugo, seu irmão, as atividades realizadas na areia foram se tornando cada vez mais importantes e prazerosas.
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1403.JPG
Fotografia: Hugo Brito
Yuri Brito: publicitário, especialista em política e estratégia/ADESG-Ba, funcionário - CCR Metrô Bahia

À  pesquisa sobre os benefícios dos recursos marinho avançam a cada dia,  e vem despertando  nas pessoas que moram em cidade litorânea, usufruírem deste recurso salutar. A Revista Brasileira de Reumatologia (v.48 n.2 São Paulo mar./abr. 2008), nos remete que a “talassoterapia e balneoterapia são modalidades terapêuticas utilizadas  há vários anos em outras regiões do mundo na prevenção e no tratamento de diversas enfermidades, incluindo doenças reumáticas. No entanto, só recentemente têm sido descritas na literatura em fibromialgia (FM), contribuindo para a redução da dor e de outros sintomas da doença e melhorando a qualidade de vida dos pacientes.” As atividades lúdicas realizadas através da  talassoterapia,  com os recursos provenientes do mar, além dos estímulos proprioceptivos e psicoterapêutico,  promovem a socialização e o estabelecimento de vínculos familiares e comunitário.

Na incansável luta para a habilitação/reabilitação de seu filho Maria Cristina trilhou no caminho da resiliência em prol de outros “Yuris”, fundando a ABAE - Associação Bahiana de Equoterapia.  Respaldada pela Associação Nacional de Equoterapia, a  implantação deste método na Bahia   procedeu em  1993,  através da parceria com o governo do estado da Bahia (Polícia Militar da Bahia/Esquadrão de Polícia Montada) onde encontra-se sediada a entidade e o apoio do Exercito Brasileiro (Batalhão Pirajá – 19º Batalhão de Caçadores para descentralização deste serviço instituindo o Centro de Equoterapia Yuri Guimarães Brito.
ABAE é uma organização não-governamental, sem fins lucrativos,  que presta assistência especializada as crianças e adolescentes com deficiência e suas famílias, conforme a Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais (Resolução  Nº 109, de 11 de novembro de 2009), que visa a garantia de direitos, o desenvolvimento de mecanismos para a inclusão social, a equiparação de oportunidades e a participação e o desenvolvimento da autonomia das pessoas com deficiência e pessoas idosas, a partir de suas necessidades e potencialidades individuais e sociais,  prevenindo situações de risco, a exclusão e o isolamento.
As ações desenvolvidas pela entidade têm um alcance de responsabilidade social para o crescimento da equoterapia no estado da Bahia, com a implantação de novos Centros, seguindo os princípios éticos e doutrinários da ANDE-BRASIL. O projeto “O cavalo a serviço da habilitação, reabilitação e promoção social”, patrocinado pela Petrobras  em 2014, trouxe para o cenário baiano uma nova modalidade educacional psicoterapêutica, com a expertise da Associação Bahiana de  Equoterapia e o Esquadrão de Polícia Montada, para assistir os municípios que oferecem infra-estrutura e logística  na implantação de novos Centros de Equoterapia.
O fortalecimento da parceria com a Polícia Militar da Bahia, representada pelo Excelentíssimo Senhor Comandante Geral Cel PM Anselmo Brandão e Maj PM Aloysio Herwans, Comandante do Esquadrão de Polícia Montada no trabalho conjunto com as comunidades, vem possibilitando esta entidade contribuir com as políticas públicas visando melhor qualidade de vida para as pessoas com deficiência e fortalecimento de vínculos familiares e comunitário o que se traduz o Pacto pela Vida!
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1359.JPG
Fotografia: Hugo Brito
Contemplada no chamamento público e aprovado por meio de Edital do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente, Conselho Municipal da Criança e do Adolescente e Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate a Pobreza, a ABAE,  através de seu representante legal Raimundo Adalberto Lacerda, coloca em prática  o projeto “A importância da atividade lúdica na comunidade, para as crianças e adolescentes com deficiência visando à inclusão social” com a coordenação de Maria Cristina Guimarães Brito, superintendente e idealizadora com o apoio do comandante da cavalaria. O projeto é um convite as famílias e a comunidade “vamos à praia!”, agora é a vez do cavalo marinho... as  ações  desenvolvidas merecem destaque na realização de atividades  de forma lúdica nas praias de itapuã, piatã, ondina, ribeira e paripe/tubarão, possibilitando também o aprendizado das crianças e adolescentes com  deficiência, assim como, promover outras formas de estímulos proprioceptivos. Além disso, as orientações psicoterapêuticas  prestadas às famílias  de como trabalhar seus filhos no cotidiano, a importância do brincar, a forma correta de carregá-la  no colo e adotar posturas corretas além de incentivar o banho de mar para novas aquisições psicomotoras e socialização de seus filhos.
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1508.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1412.JPG
Fotografia: Hugo Brito
Duda, representa  as crianças assistidas na ABAE

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1501.JPG
Fotografia: Hugo Brito
O projeto é lançado na praia de itapuã e conta com todo serviço de infra-estrutura para acolhimento das famílias em tendas, proteção solar, pista de acessibilidade com placas de EVA, coletes salva vidas, bóias náuticas, prancha de stand up, botes, cadeira anfíbio dentre outros  equipamentos. O sistema de segurança foi mantido pelo Esquadrão de Polícia Montada e Bombeiro Militar – Guarda Vidas.
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1606.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1346.JPG

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1373.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1554.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1386.JPG
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1614.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1592.JPG
Fotografia: Hugo Brito
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1442.JPG

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1437.JPG

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1611.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1349.JPG
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1488.JPG
Fotografia: Hugo Brito

C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1519.JPG
Fotografia: Hugo Brito
O fortalecimento das parcerias e apoios recebidos, se traduzem  na sustentabilidade das ações do projeto desenvolvido por uma equipe interdisciplinar constituída por fisioterapeutas, psicólogas, educador físico, educadores e psicomotricista,  visando  uma integração gerada pelas políticas públicas e mobilização nas unidades de ensino através da Universidade Federal da Bahia/Liga Acadêmica de Fisioterapia Pediátrica, representada  por Micheli  Bernadone Saqueto e Marília Ferreira dos Santos, responsável pela supervisão e  alunos Colégio Militar de Salvador que vêm  prestando seus serviços voluntários e encantando as crianças e adolescentes com deficiência e suas famílias das comunidades.
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1683.JPG
Gilson Almeida e Isabel Cruz representaram a diretoria ABAE
C:\Users\CRISTINA\Desktop\PROJETO PRAIA ABAE\DSC_1662.JPG
Fotografia: Hugo Brito
Maria Cristina Guimarães Brito, Superintendente e Coordenadora de Projetos da ABAEquoterapia
em nome da diretoria, agradece  a equipe técnica pelo brilhante trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário